• pt-br
  • en
  • fr

    Tags:          3 -    Comentários

Mariana Teodoro

Ter uma noite de sono profundo e tranqüilo não é para qualquer um. Se você tem dificuldade para dormir, acorda no meio da noite ou se sente cansado ao levantar, você está entre os 46 % dos brasileiros que sofrem com problemas relacionados à insônia. Esse alto número se deve, em parte, à falta de conhecimento de que dormir bem, além de ajudar no bem-estar diário, é essencial para a prevenção de doenças graves.

“Além de falta de atenção, memória e raciocínio, as noites mal dormidas podem causar alterações de humor, problemas cardiovasculares e variações no metabolismo, como ganho de peso e diabetes”, explica a professora de medicina e biologia do sono da UNIFESP e médica do Instituto do Sono, Lia Rita Azeredo Bittencourt. Segundo a especialista, essas deficiências são desencadeadas porque é durante o sono que ocorrem processos fisiológicos responsáveis pela manutenção e reestruturação das funções psíquica, cardiovascular, metabólica e imunológica.

E diferente do que se pensa, um bom descanso não está vinculado ao número de horas dormidas, mas sim à qualidade do sono. “Cada um tem seu tempo necessário, uns podem precisar de quatro e outros de dez horas”, diz Lia. Ela esclarece que o mais importante é passar pelas quatro fases do sono nas proporções de tempo indicada segundo estudos: o estágio inicial é quando o indivíduo pode ser facilmente acordado (acontece de 5 a 10% do tempo do sono). Na segunda etapa, ocorre o sono superficial, quando é mais difícil de ser acordado (45 a 55%). Já na terceira fase, o organismo tem o menor metabolismo e o sono é profundo (18 a 23%) E, finalmente, na última, ocorre um relaxamento muscular intenso, depois o cérebro fica ativo e, em seguida, a pessoa desperta (20 a 25%).

Passar por essas fases sem interrupções, porém, depende muito de se livrar de hábitos e nocivos ao sono. “Consumir substâncias com cafeína e álcool; fumar em excesso; realizar atividades na cama antes de dormir; passar por situações estressantes antes de ir para cama; usar calmantes sem orientação médica e fazer exercícios físicos excessivos pouco antes de dormir podem prejudicar a qualidade do sono”, diz.

Outro vilão que deve ser evitado na hora de dormir é o excesso de luz artificial como a emitida pela televisão, computador e celulares. “A luz artificial dos aparelhos eletrônicos desencadeia processos de vigília no cérebro. Ao contrário disso, a ausência de luz estimula a secreção de melatonina, hormônio que facilita o sono”, explica. Lia acrescenta que assistir TV com a intenção de induzir o sono é outro hábito equivocado, pois o barulho da TV superficializa o sono e provoca insônia nas pessoas predispostas. 

Para quem quer adotar hábitos mais saudáveis e, assim, melhorar a qualidade do sono, a especialista tem algumas recomendações: “Mantenha um horário regular para dormir e acordar; vá para a cama somente quando estiver com sono; evite álcool próximo ao horário de deitar; não use medicamentos para dormir sem orientação médica; não exagere em café, chá preto e refrigerante; faça atividade física em horários adequados e nunca próximo à hora de dormir; alimente-se moderadamente em período regular; anote preocupações para resolver no dia seguinte e procure atividades relaxantes após o jantar como ler, ouvir música, tomar banho morno e meditar”.

É importante lembrar que a insônia também pode ser causada por doenças crônicas, falta de ar, ansiedade e depressão. “Nesses casos, o melhor caminho é procurar atendimento médico com um profissional especializado em distúrbios do sono para um diagnóstico completo e indicação do melhor tratamento”, conclui. 

3 Comentários
  • 2 de junho de 2011 às 20:57

    Texto extremamente oportuno! Grandes informações que, com certeza, boa parcela da população não tinha conhecimento, como eu.

  • Rogerio Aro

    3 de junho de 2011 às 00:47

    Gostei!

  • Maxwell Fernandes

    7 de junho de 2011 às 18:12

    É de grande valia a disposição de artigos como este, principalmente quando o que se lê é exatamente o que se passa, no meu caso a tentativa de indução do sono pela tv, algo que a partir de hoje será extinto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

footer logo

Conheça o outro lado do empresário de sucesso. Aqui ele compartilha dicas de empreendedorismo e vida em equilíbrio para você encontrar a sua felicidade.


BUSCAR NO SITE