• pt-br
  • en
  • fr

    Tags:        2 -    Comentários

Mariana Teodoro

Considerada uma das expressões mais antigas da literatura, o “Carpe Diem” – em português Aproveite o Dia" – pode ser a chave para uma existência plena. Porém, mesmo sabendo que viver o presente é um dos caminhos certos rumo à felicidade, deixar o hábito de remexer o passado e idealizar o futuro não é tão simples quanto parece.

"As pessoas sabem da importância de viver o agora, mas não conseguem fazer isso porque estão sob pressão. Aproveitar o momento como obrigação gera desconforto, angústia e ansiedade e, assim, é mais fácil se perder no tempo", diz o instrutor de meditação e coordenador do Instituto Renascimento de São Paulo, Khalis Chacel. Segundo o estudioso, a teoria do Carpe Diem é simples; o problema está em ter que seguir normas para praticá-la. “Não existem regras de comportamento que façam milagres. Acredito que o segredo está em aprender a desenvolver a mente, o lado pessoal, para conseguir enxergar a vida de uma forma leve”, diz.

Chacel afirma que um dos caminhos para uma vida mais leve está no ato de meditar, definido por ele como “descansar a mente”. “A meditação traz clareza, inteligência, bem-estar e, como conseqüência, permite que a pessoa sozinha desfrute do momento presente de forma natural.”

Praticante de meditação há 25 anos, ele explica que não é necessário passar horas em posições mirabolantes para obter bons resultados. O importante é permanecer de 3 a 5 minutos de olhos fechados em silêncio uma vez por dia. Após um tempo de prática é possível evoluir para outros estágios, como perceber a audição, a respiração e o fluxo da mente. "Em uma semana, a pessoa já nota a diferença. Quando se dá conta, ela já está mais criativa, ganha mais qualidade de vida, e principalmente, passa a aproveitar o dia sem nem perceber que está fazendo isso", conclui.

Já no ambiente corporativo, passado e futuro devem atuar como aliados. "Pessoas bem sucedidas usam o passado como aprendizado e enxergam o futuro como um norte para a tomada de decisões. Já no presente, elas vivem e desfrutam ao máximo o que estão fazendo", afirma o trainer coach da Você Vencedor Soluções Empresarias, Flávio Souza

Ele observa que planejar o futuro e caminhar na sua direção é tarefa primordial, mas o indivíduo deve tomar cuidado para não viver sempre um passo adiante, pensando na próxima tarefa sem ter terminado a que se executa no momento ou, então, imaginar obstáculos que nem estão perto de acontecer e, com isso, sofrer por antecipação. "É imprescindível aprender falar devagar, ouvir as pessoas, fazer uma coisa por vez e a agir na medida do possível de forma calma, finaliza.

2 Comentários
  • Carlos Eduardo

    16 de junho de 2011 às 22:45

    Realmente nos dias de hj precisamos refletir sobre viver o presente mas sem esquecer o futuro. Meu foco agora é a qualidade de vida e de meus familiares. Artigos como esse mostram que é um caminho possível mesmo em tempos de um mercado tão agressivo.

  • Marco Schlichting

    20 de abril de 2012 às 11:13

    Precisamos meditar para encontrar o equilíbrio para que as decisões sejam coerentes e saudáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

footer logo

Conheça o outro lado do empresário de sucesso. Aqui ele compartilha dicas de empreendedorismo e vida em equilíbrio para você encontrar a sua felicidade.


BUSCAR NO SITE