• pt-br
  • en
  • fr

    Tags:           

Stefânia Akel

Estipulado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 8 de abril, o Dia Mundial do Combate ao Câncer é dedicado à conscientização das pessoas acerca dessa gama de doenças que está entre as principais causas de morte em todo o planeta na atualidade.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), ao fim do biênio 2016-2017, terão surgido 600 mil casos novos de câncer no Brasil. O tipo mais comum, segundo essa mesma estimativa, é o melanoma, o mais grave dos cânceres de pele. Em seguida, os mais frequentes são divididos por sexo, em ordem decrescente: nas mulheres, o câncer de mama, o de intestino e o de colo do útero; nos homens, o câncer de próstata, o de pulmão e o de intestino.

O Inca também elenca nove atitudes essenciais para prevenir o câncer em suas variadas formas. Confira:

  1. Não fumar: esta é considerada a regra mais fundamental para evitar o câncer, sobretudo, claro, o de pulmão. Isso melhora não apenas a saúde do ex-fumante, como também daqueles que, pela proximidade, inalavam a fumaça de seu cigarro, os fumantes passivos.
  2. Alimentar-se bem: Nada de sair “cortando” opções da dieta por conta própria. O Inca avisa que nossa comida “deve ser variada, equilibrada, saborosa, respeitar a cultura e proporcionar prazer e saúde”, e que as opções que mais ajudam a proteger contra o câncer são frutas, legumes, verduras, cereais integrais e feijões.
  3. Manter o peso adequado: “Estar acima do peso aumenta as chances de desenvolver câncer”, informa o Instituto. Por isso, além da alimentação, para estar em forma é importante se exercitar fisicamente.
  4. Praticar atividade física todo dia: Isso inclui caminhar, dançar, trocar o elevador pelas escadas, cuidar da casa. O importante é movimentar o corpo.
  5. Amamentar: De uma só vez, protege as mães (contra o câncer de mama) e as crianças (da obesidade infantil).
  6. Realizar exames preventivos: “Mulheres entre 25 e 64 anos devem fazer um exame preventivo ginecológico a cada três anos”, recomenda o Inca. O famoso teste de Papanicolau descobre antecipadamente alterações no útero, o que aumenta muito as chances de cura.
  7. Evitar o álcool: Segundo o instituto, em qualquer quantidade a bebida aumenta o risco de câncer.
  8. Abrigar-se do Sol entre as 10h e as 16h: use também filtro solar, chapéu, e, se não conseguir evitar a luz solar nesse período, use roupas compridas, que cubram bem a pele.
  9. Vacinar-se contra o HPV: Desde 2014, o Ministério da Saúde implantou a vacinação contra HPV para meninas de 9 a 13 anos. É importante lembrar que, ao chegar aos 25 anos, a mulher deve realizar o Papanicolau a cada três anos, pois a vacina não protege contra todos os subtipos do HPV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

footer logo

Conheça o outro lado do empresário de sucesso. Aqui ele compartilha dicas de empreendedorismo e vida em equilíbrio para você encontrar a sua felicidade.


BUSCAR NO SITE