• pt-br
  • en
  • fr

    Tags:          1 -    Comentário

Os primeiros arbustos de café surgiram na Etiópia e Arábia Saudita. Naquela época, o café era consumido como fruto ou macerado e misturado com uma pasta de gordura. A expansão da bebida pelo mundo aconteceu após a torrefação e infusão do grão. Além do sabor e aroma incomparáveis, o café começou a chamar a atenção de pesquisadores europeus, que observavam que provavelmente havia algo a mais na bebida. Foi descoberta, então, a cafeína, que posteriormente também foi incorporada em chás, bebidas à base de cola e energéticos.

Tempos depois, o café tornou-se um item indispensável para muita gente que precisa dar aquela acordada. Mas o que está por trás desse tal poder da cafeína? Eu te explico. Ela tem a capacidade de bloquear “chavinhas”, chamadas de receptores de adenosina que temos espalhadas por todo o corpo, gerando, assim, energia, capacidade de concentração, diminuição da sonolência, cansaço, entre outros. Aparentemente, ao nos deparamos com todos estes efeitos poderíamos pensar: ou seja, quanto mais cafeína, melhor! Mas é aí que você se engana.

O consumo dessa bebida ou mesmo de outras fontes de cafeína não é inofensivo para todos. A capacidade em metabolizar cafeína é controlada por um gene chamado CYP1A2. Alguns indivíduos apresentam alterações neste gene e são chamados de “metabolizadores lentos”. Estudos mostram que, nestes casos, o consumo excessivo de café (mais ou menos seis copos (30mL) de café expresso) pode trazer consequências cardíacas. Além disto, é importante ressaltar que independente do perfil genético, há casos especiais. Gestantes, por exemplo, precisam sim reduzir a quantidade de cafeína na dieta.

Assim, em se tratando de cafeína a palavra chave é moderação, tanto para as fontes alimentares quanto para os suplementos com esta substância. Uma xícara (pequena) de café por dia é super saudável, já que além de fonte de cafeína possui vitaminas, e minerais e substâncias antioxidantes. Aproveitem!

Dra Ana Poletto é nutricionista clínica e Doutora em Fisiologia Humana pela Universidade de São Paulo

1 Comentário
  • Helio

    13 de novembro de 2016 às 16:49

    Parabéns vcs são pessoas maravilhosas com suas informações , da minha parte só tenho agradecer ! Pois me ajudou muito tirar dúvidas e ter conhecimento grato Helio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

footer logo

Conheça o outro lado do empresário de sucesso. Aqui ele compartilha dicas de empreendedorismo e vida em equilíbrio para você encontrar a sua felicidade.


BUSCAR NO SITE