Tags:       -  9 -   Comentários

Não é porque você teve uma boa ideia que necessariamente será um empresário bem sucedido. Abrir um negócio exige dedicação de tempo e esforço, e muitas vezes, demanda o investimento do próprio capital. Claro, a ideia de ser seu próprio chefe é muito atraente, mas como saber se o empreendedorismo é para você?

Em artigo para o portal Entrepreuneur.com, o colaborador Donny Gamble Jr sugere, antes de qualquer iniciativa, refletir sobre as razões pelas quais você quer se tornar um empreendedor. Para muitos, existe uma combinação de fatores: poder ser mais criativo, fazer a diferença, o trabalho para si mesmo, ter horários flexíveis e aumentar o potencial de ganhos. Mas, para conquistar estas coisas, você deve ter a mentalidade certa – caso contrário, passará a maior parte do seu tempo lutando para não falhar.

Gamble Jr afirma que se você está pensando em empreender, você deve considerar estas cinco dicas:

  1. Eduque-se sobre finanças: aulas de finanças pessoais deveriam ser obrigatórias para o ensino médio e currículos universitários. Lidar com finanças é algo que vamos ter de fazer no resto de nossas vidas. Certifique-se que você sabe lidar com a gestão de suas finanças. Se precisar, encontre um mentor para isso.
  1. Assuma a postura de um empreendedor: como se faz isto? Em primeiro lugar, identifique o seu dom ou habilidade. Todo mundo tem um, mas, infelizmente, muitos não são capazes de reconhecê-lo rapidamente. Procure opiniões de pessoas de confiança. Pergunte a elas o que você faz naturalmente melhor do que os outros. Após entender qual é o seu dom, desenvolva um negócio em torno dele e de modo que possa atender uma necessidade específica na sociedade.
  1. Aprenda a assumir riscos: ter um emprego regular oferece às pessoas uma sensação de segurança. Muitos ficam em sua zona de conforto por medo de perder tudo. Mas as pessoas bem sucedidas tiveram de assumir um risco em algum momento da vida profissional – provavelmente mais de uma vez. Para ter sucesso, você tem que dar o salto e optar por voar. E você só pode aprender esta lição tomando riscos.
  2. Use a tecnologia para aprender: em nossa cultura tecnologicamente obcecada, não há desculpa para não ser informado. É absolutamente crucial para o seu sucesso conhecer as empresas por dentro e por fora. Com alguns recursos comuns de seu smartphone e tablets, você pode ter acesso rápido e fácil à informação. Quando falamos de tecnologia, envolvemos também a aprendizagem de um novo conjunto de habilidades. Quer seja aprender a usar WordPress (a plataforma de blogs) ou a compreensão de como comercializar o seu negócio no Facebook. É importante que você esteja sempre aprendendo sobre tecnologia. Caso contrário, a concorrência te deixará na poeira.
  1. Não se disperse por causa da tecnologia: apesar da Internet nos dar acesso a uma enxurrada de informações, notícias, discussões e ideias, ela também pode ser fonte de distração. Para evitar que isto ocorra, escreva uma lista diária ou semanal de afazeres. Uma vez terminada uma tarefa, comece a trabalhar na próxima. Isto melhora substancialmente a eficiência.

Fonte: Entrepreuneur.com

9 Comentários
  • Paulo S Noto

    28 de abril de 2015 às 09:14

    Quando leio todas as materiais de liderança, empreendedorismo, etc vejo que como deixar de fazer o básico é essencial para que um líder empreendedor alcance suas metas.
    Focar em fazer tudo de forma recorrente até que tudo vire uma rotina automatica, nunca se esquecendo de se atualizar e inovar.
    Sucesso
    Abçs
    Paulo

  • Antonio Santos

    6 de maio de 2015 às 17:50

    Muito bom!

    Talvez, um tópico indispensável, sempre que se fala sobre empreendedorimo, é a perseverança. Geralmente, quem é bem sucedido hoje é porque trabalho muito e por muito tempo, ou seu antecessor teve que passar pela maior prova, ser perseverante o suficiente.

    Abraço,

  • keila silva

    6 de maio de 2015 às 18:26

    Boa Noite!
    Gostaria de salientar, que uma boa orientação sobre Propriedade Intelectual é um dos motivos para os empreendedores.
    Obrigada.
    Keila

  • Lauda souza

    6 de maio de 2015 às 20:46

    Maravilhoso este artigo e dicas..pretendo abrir um.negocio rápido..eu realmente me considero uma.empreendedora..onde planejar e arriscar é meu forte..trabalhar para inovaçao, buscar recursos.na.tecnologia e personlizar o atendimento focado no cliente, buscando um diferencial com.qualidde…meu proposito vai muito além.de um.prazer……isto se chamará #realizaçãototal#..sei fazer..e faço bem.feito !!! 1 primeira dica eu já propus para escola…
    Obrigada

  • pedro neri da silva

    7 de maio de 2015 às 09:11

    agradeço pelas matérias enviadas, busco sempre novas idéias para continuar a crescer como empresario. obrigado aguardo novas matérias.

  • Robson Alberto

    7 de maio de 2015 às 11:17

    Como diz no texto, todos temos um dom, a questão é identifica-lo. O que falta nas pessoas nesse tempo, é exatamente essa, pois caem no comodismo e não procuram encontrar seus próprios dons. Assumamos nossos dons, dados de graça por Deus, e saibam usa-los para um mundo melhor.

  • Adriana Torres

    7 de maio de 2015 às 13:14

    Super valiosa essa reportagem. Estou iniciando meu projeto, meu empreendimento e vejo que se não estivermos numa relação muito próxima entre o FOCO e MENTE ABERTA, dificilmente conseguiremos ter êxito. O foco nos leva adianta, nos direciona e a mente aberta nos ensina, nos ajuda a sermos mais pró-ativos, buscar novas tecnologia para ajudar. Hoje o empreendedor conta com uma série de soluções gratuitas, muitas vezes, para dar início e ter os devidos controles e ferramentas, sites com informações valiosas, eBooks e outras possíveis idéias que ajudem. Boa sorte a todos nós! Bom planejamento a todos nós! Foco!

  • vlamir da cruz gonçalves

    8 de maio de 2015 às 19:11

    Os grandes empresários do pais deveriam ter uma participação do processo político mais ativa, porque não dá mais para ter como única opção de votação nos cargos políticos, não quero passar que o senhor deveria se candidatar a presidente, mas sim ter uma mobilização fechada com empresários ( patriotas ) que assumissem a frente deste pais, porque na realidade não dá mais para suportar tanto desgoverno.DE FORA

    SEJAM PATRIOTAS, PAREM DE FICAR DE FORA E CRITICAR, CONTRIBUAM PARA O PAIS COM A EXPERIENCIA DE GESTÃO DE VOCÊS.

  • JOSÉ ALMIR GOMES DE FREITAS

    22 de maio de 2015 às 11:29

    SEM DINHEIRO NÃO TEM COMO SER UM EMPREENDEDOR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

footer logo

Conheça o outro lado do empresário de sucesso. Aqui ele compartilha dicas de empreendedorismo e vida em equilíbrio para você encontrar a sua felicidade.


BUSCAR NO SITE