Empresa de investimentos da família Diniz, a Península vendeu nesta sexta-feira, 9, na B3, nova denominação da Bolsa paulista, um bloco de mais de 50,5 milhões de ações que detinha no Carrefour, arrecadando R$ 805 milhões com a operação. Com isso, a fatia do veículo de investimento da família no negócio passou de 11,46% para 8,91%, segundo apurou o Estado com fontes próximas à operação.